Tag Archives: Substancial

10ª Edição – Jornal Sítio em Ação

10ª Edição – Jornal Sítio em Ação

Clique aqui para ler a  10ª Edição – Jornal Sítio em Ação

Crônica Comcom

Devaneios

img_9928Crônica escrita por Beatriz Figueirôa, educanda da oficina de Jornal.

Aula de geometria. O assunto? Triângulos. Pelo menos era o que Alice achava. Estava entediada e não prestava atenção. Odiava matemática e suas vertentes. Seu celular vibrou em sua carteira e uma notificação do Facebook a avisou que o garoto que ela tinha uma queda desde o oitavo ano a adicionara.

Sem mais delongas, Alice chamou Pedro para “trocar uma ideia” no Messenger. Conversaram hoooooras… Sobre tudo! Sobre como Millie Bobby Brown estava ótima como Eleven em Stranger Things, sobre política, sobre formigas e sobre como sorvete de morango com açaí é delicioso.

Pedro era Caetano e Marias. Alice era Radiohead e Anitta. Ele Stephen King e Carlos Drummond de Andrade. Ela J.K. Rowling e Simone de Beauvoir. Ele poeta, ela ativista. Mesmo tão opostos eram como “verso e poesia, outono e ventania, praia e carioca”.

imagem_devaneios

Decidiram se encontrar no domingo. Alice escolheu o programa. Iriam assistir a um filme da sessão de clássicos do Cinemark. Ela planejou tudo em sua cabeça: assistiriam Bonequinha de Luxo, por causa da Audrey Hepburn, ele seguraria a sua mão durante o filme, dividiriam a pipoca e depois um milk-shake. Uma chuva de clichês que Alice amava; algo que começou de maneira tão geração do Merthiolate que não arde, estava se tornando uma cena de um filme hypado dos anos 90.

Quinta. Sexta. Sábado. FINALMENTE DOMINGO! Ela colocou o vestido de pregas macho que sua Tia Rita fizera. Ele colocou uma camisa jeans e seu melhor perfume. Estava nervoso!

Se encontraram no parque próximo ao shopping. Pedro levou peônias. Alice gostava de peônias, porque gostava de Gossip Girl. Gostava de Gossip Girl, porque gostava da personagem Blair Waldorf, que por sua vez, gostava de peônias; algo que Pedro descobriu através da famigerada stalkeada. Eles sabiam tudo um sobre o outro.

As coisas começaram a rolar desfiladeiro abaixo, quando ao invés de Audrey e George Peppard Alice viu Al Pacino e Marlon Brando. Pedro não segurou sua mão, mas ficou repetindo as falas de Don Vito Corleone. Não teve pipoca. Ele não gosta. Nem milk-shake.

enhanced-22790-1404762930-14

Depois do filme, foram comer algo. As pautas para conversa acabaram e o silêncio constrangedor sobrou. Alice começou a devanear. Lembrou de um texto que Tiago Iorc publicou no Instagram, contando que as moças de uns 100 anos atrás, iam ao Theatro Municipal do Rio de Janeiro para serem cortejadas. Naquele tempo, existia um sofá de três lados, chamado namoradeira. A moça sentava de um lado, o rapaz do outro e, no terceiro lado, o pai da moça acompanhava o cortejo de perto, para dar o aval. Alice achou romântico.

Em meio a tantos pensamentos vertiginosos, começou a suar. Será que a conversa tinha morrido porque ela era chata? Ou porque ela tinha dormido no filme? Será que foi algo que ela disse? Ela chegou à conclusão que foi porque eles já sabiam tudo um do outro. Ela culpou a internet por roubar esse momento.

Quando se deu conta, Pedro a encarava e perguntou se estava tudo bem. Ela disse que sim, mas que estava cansada e queria ir pra casa. Ele a levou e se despediu com um beijo na testa. Ela sorriu. Ele também.

Alice entrou em casa. Pedro foi embora. Ela subiu para o seu quarto e enquanto se “desmontava” em sua penteadeira, mais pensamentos faziam alarde.

Alice estava chateada. O encontro pelo qual sempre sonhou, acabou com uma conversa morta. Mas ela pensou consigo mesma: “tudo bem Alice, conversas morrem mesmo, tal como encontros e relacionamentos. O que fica são as memórias e as trocas de conhecimento”.

Em um suspiro aliviado, ela se conformou. Ela não estava de todo triste, seu cochilo durante o filme foi ótimo.

Imagens aéreas do Sítio São Francisco

Cobertura Colaborativa de Imagens aéreas do Sítio São Francisco. O objetivo desta intervenção audiovisual aérea é demonstrar de outros ângulos os desdobramentos do processo de urbanização na região do Sítio São Francisco.

Começaram as atividades do segundo semestre no ComCom Pimentas!!!

Depois dos cursos de férias de interpretação, fotografia, quadrinhos e web rádio, no dia 24 de agosto começaram novamente os cursos regulares de Rádio, Tv e Jornal oferecidos pelo ComCom Pimentas.

Jornal

Já nessas primeiras semanas, os alunos tiveram a oportunidade de conhecer um pouco a história do cinema e já se familiarizar com planos fotográficos usados na produção televisiva. Nos cursos de rádio e jornal os alunos aprenderam e vivenciaram a construção de uma pauta e também como se estrutura uma notícia.

img_8719

Durante as aula os alunos puderam soltar a voz e a caneta na produção de textos autorais como a crônica e na criação dos seus próprios programas de rádio. Além dessas atividades, consolidadas e conhecidas que o ComCom desenvolve a alguns anos, nesse semestre foram estruturadas atividades lúdicas com as crianças que procuraram os cursos, como: passeios, grupo de leitura e jogos.

img_6803

Já o pessoal que integra o curso intermediário, alunos que já passaram pelos cursos regulares em outros semestres, nesse momento produzem uma matéria sobre a questão da mulher e também trabalham na edição e na produção visual da próxima edição do jornal produzido pelo projeto.

Atividade Lúdica e Educomunicativa.

Workshop de Interpretação

Nos dias 25 e 27 de julho e dia no 01 de agosto será realizado pelo Projeto ComCom Pimentas no EAT da CDHU um workshop de introdução a interpretação em três diferentes linguagens: Teatro, publicidade e TV.

Workshop de Interpretação

Workshop de Interpretação

No workshop ministrado pela atriz Sheyla Coelho os alunos entraram em contato com as técnicas e as limitações das três diferentes áreas propostas e terão a oportunidade de exercitar sua interpretação em exercícios de improviso e pequenas cenas ensaiadas e registradas em vídeo.

Não é necessário inscrição prévia, devendo o aluno chegar pelo menos com quinze minutos de antecedência e vir com roupas confortáveis que possibilitem a atividade física e a mobilidade (Como calças de moletom e camisetas largas). As aulas começarão às 14h e finalizarão às 17h.